2 de ago de 2011

Coração de estrelas

Hoje encontrei mais um pedaço de coração.


Pisado, solitário, estava caído no chão.


Mas não ligo não.


Sempre os atiro longe pela janela.




Imagino que um dia você minha hoje desconhecida e querida amada.


Desesperada e solitária olhará para o céu e verá pequenas estrelas a se juntar.


Ali encontrará a constelação do meu coração.


Ela te guiará até o fim dos meus sonhos.


Pois, acordados, nos encontraremos e juntos sonharemos.




Essas poesias melosas de antigamente sempre sonham em retornar.....
William - 02/08/2011 - 00:00

Nenhum comentário: